Contato:

+55 (31) 3342-3000 | 3223-2000

BH: +55 (31) 9.8705-9196

      

Construção civil: 6 tecnologias que já são realidade

29

Maio 2020

Por:FriendsLAB
Não categorizado

O uso de tecnologias na construção civil é capaz de aumentar a produtividade e competitividade no setor. É possível então, dizer que estamos colhendo os frutos de uma quarta revolução industrial? 

O termo Indústria 4.0 caracteriza a utilização de tudo que há de mais moderno na produção de bens, isso inclui inteligência artificial, internet das coisas, uma grande quantidade de dados como big data e muito mais. Sendo assim, ela está aí para nos ensinar que a tecnologia ainda não chegou ao nível máximo de evolução, principalmente na indústria. 

Marcada pela automação industrial, a indústria 4.0 se caracteriza principalmente pelo uso de máquinas inteligentes. Deste modo, muitas tarefas operacionais, que eram realizadas de forma manual, hoje são executadas de forma automática e impactam significativamente no crescimento de todo o mercado industrial. 

Essa revolução tecnológica chegou na construção civil com foco em produtividade e sustentabilidade. Sabendo que produtividade é a capacidade de produzir mais com menos recursos, o uso da tecnologia na construção civil é cada vez mais essencial. 

Mecanismos como internet, aplicativos, maquinários modernos, e até mesmo os smartphones agregam muito na obtenção de uma equipe que seja cada vez mais produtiva. Sendo assim, o que viemos falar nesse artigo vai ainda mais longe do que as tecnologias com as quais já estamos acostumados. 

Por isso, separamos 6 tecnologias que já são realidade na construção civil. Confira: 

1. Elevador multidirecional sem cabos 

Esse elevador é movido por levitação magnética, uma criação da empresa ThyssenKrupp que aposta que essa tecnologia pode tornar a movimentação de elevadores multidirecional, ou seja, muito mais do que apenas subir ou descer. 

Esse novo elevador é capaz de reduzir o tempo de locomoção nos edifícios de qualquer porte, principalmente os grandes. Sua ausência de cabos faz com que o aproveitamento do espaço das edificações seja muito maior, e a sua circulação mais livre. 

2. Impressão 3D 

O mercado da construção começa a avançar nos estudos com impressão tridimensional. Assim, algumas empresas como a brasileira Inovatec House 3D estudam possibilidades de aplicação de impressões 3D na construção civil. 

Foi desenvolvido na universidade de Harvard um modelo de impressora capaz de preencher e restaurar fissuras de rodovias. Essa tecnologia já é uma realidade nos Estados Unidos, desenvolvida pelo mecânico Robert Flitsch, a impressora é capaz também de produzir casas em menos de 24 horas com a utilização de argamassa. 

Alguns modelos já produzem casas populares com lama e fibra natural como material base, isso é realidade na Itália. O primeiro prédio do mundo com peças impressas a partir de uma impressora 3D foi construído pela empresa WinSun, na China.

Além disso, essa mesma empresa antes mesmo da construção do prédio, havia construído 10 casas em um dia com a reutilização de materiais que excederam em outras obras. 

3. Concreto auto-regenerativo

Essa tecnologia pode aumentar consideravelmente a vida útil de um edifício. Além disso, o concreto auto-regenerativo foi produzido a partir de materiais reaproveitados do meio ambiente. 

Esse material libera um agente de cura quando há o surgimento de rachaduras, e assim é transformado em um polímero sólido e forte, a partir do contato de um agente com um catalisador, tudo isso dentro do concreto. 

Além da durabilidade, benefícios como redução de vazamentos e infiltrações são o grande forte dessa tecnologia. Outros aspectos são beneficiados como a estética da edificação, que permanece com aspecto de nova por muito mais tempo. 

4. Contrapiso autonivelante 

Indicado para ambientes internos com pouco ou médio trânsito de pessoas. O contrapiso autonivelante é uma nova tecnologia na construção civil e é feito com aditivos especiais que aumentam a fluidez do material. Ele se espalha naturalmente, de forma rápida e prática, ao ser aplicado sobre uma superfície. 

Isso diminui o tempo de construção fazendo com que a aplicação e a cura sejam mais rápidas. Quando o cronograma da obra é de urgência, o contrapiso autonivelante é um ótimo aliado. 

5. Energia limpa por meio da tinta 

A combinação de óxido de titânio e um novo composto chamado sulfeto de molibdênio sintético fez com que uma nova tinta surgisse gerando energia limpa. Quando pensamos em energia limpa ou solar, logo imaginamos painéis solares fotovoltaicos, porém agora quem faz esse trabalho é a tinta. 

Essa tecnologia foi desenvolvida na Austrália por um grupo de estudos da Royal Melbourne Institute of Technology. A tinta que gera energia limpa é mais uma prova de que o mundo está cada vez mais envolvido em fontes de energia renováveis que estão sendo rapidamente absorvidas pelo mercado. 

6. Ecogranito

Muito semelhante às rochas ornamentais, o Ecogranito é um revestimento inovador com uma tecnologia japonesa já adaptada ao Brasil. Suas texturas modernas e diferenciadas estão alinhadas com o ideal inovador e sustentável que cresce junto com as novas tecnologias. 

O revestimento Ecogranito possui um mecanismo de respirabilidade inteligente, que consiste na absorção de uma certa quantidade de água que acumula em sua superfície porosa e na evaporação do restante, evitando assim, o aparecimento de infiltrações e estofamentos.

O Ecogranito também é um produto que está completamente comprometido com o meio ambiente, pois sua produção envolve o reaproveitamento dos resíduos de rochas ornamentais que foram gerados no processo exploração das jazidas e seriam descartados, além de não realizar o corte dessas pedras. O resultado deste reaproveitamento é a diminuição de impactos ambientais, gerando sustentabilidade

Vale destacar que essa tecnologia é muito versátil e prática na aplicação e também não gera desperdícios, fatores que contribuem, respectivamente, para maior nível de produtividade nas construções e diminuição dos impactos ambientais frequentemente causados pela construção civil.

Conclusão

A importância das novas tecnologias na construção civil é a capacidade de auxiliar no desenvolvimento de empreendimentos melhores, inovadores, eficientes e, claro, sustentáveis. 

A tecnologia é uma aliada em todas as etapas de uma obra, e seus benefícios são muitos durante o processo: 

  • aumento da produtividade; 
  • redução de custos;
  • mais segurança;
  • controle do registro de informações;
  • precisão na mensuração dos resultados.

O mercado exige que as empresas estejam sempre atualizadas quanto às ferramentas de inovação, por isso, o futuro já chegou para todas as áreas e não seria diferente na tradicional construção civil. Está cada vez mais comum nos depararmos com obras inteligentes e super conectadas. 

Esse artigo foi útil para você? Faça sua observação nos comentários! E para saber mais sobre o uso da tecnologia na construção civil, confira o artigo sobre esse tema no nosso blog

Ainda não recebemos comentários. Seja o primeiro a deixar sua opinião.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ligue Agora

+ 55 31 3342 3000 / +55 31 3223 2000

CLIQUE PARA MANDAR UMA MENSAGEM!

Quer saber mais?

Deixe seu contato que ligamos para você!
Ou se preferir, mande um email.

 

Av. Severino Ballesteros Rodrigues, 1589,
Ressaca, Contagem Minas Gerais – Brasil

+55 (31) 3342-3000 | 3223-2000

BH: +55 (31) 9.8705-9196

contato@ecogranito.com.br